30/01/2017

A Madrasta Gostosa

A Madrasta Gostosa

 

A vida muitas vezes nos prega uma peça, me chamo Beto tenho 25 anos, moro com meu pai que era viúvo sempre insisti para que ele arrumasse uma companhia afinal o coroa ainda está com tudo em cima.

Ele sempre brigava comigo e dizia que não queria até que um belo dia ele aparece com a Lais em casa dizendo ser sua namorada num primeiro instante fiquei em choque pois não esperava mas depois gostei da ideia. Lais era uma mulher madura afinal já tinha 48 anos era muito simpática, gentil inteligente conversava sobre qualquer assunto, fisicamente tinha 1,70 de altura cabelos castanhos na altura do queixo, olhos cor de mel, seios fartos , seu corpo era bem curvilíneo.Ela passou a frequentar nossa casa com maior frequência até que se mudou para lá, conversarmos muito sobre tudo estavamos sempre junto pois meu pai estava viajando muito agora a trabalho.

Numa noite quente de verão onde o calor estava insuportável me levantei e fui até a cozinha beber um copo d’agua e lá estava Lais, numa camisolina preta transparente que a deixava muito sexy, num primeiro momento fiquei muito sem graça daquela situação mas ela falou relaxa somos família. Dei uma risadinha sem graça e peguei o copo de d’agua que ela me oferecia nossa como ela era gostosa pela transparência da sua camisola dava para ver seu fio dental bem pequeno enfiado na bunda meu pênis começou a dilatar dentro do pijama um calor subiu por todo meu corpo e pensei nossa cara que isto ela e sua madrasta.

Ela muito esperta e safada chegou bem perto de mim e colocou a mão dentro do meu pijama e falou no meu ouvido não pude deixar de reparar que vc está com tesão assim como eu, neste momento não pensei mais nada apenas que queria comer aquela mulher, puxei ela para meu encontro e fui direto pro seus peitos comecei a chupar seus mamilos a morder sua orelha ela gemia de tesão ela dizia que fazia muito tempo que queria dar para mim que queria aquele pênis duro e grosso dentro dela bombando gostoso.

Ela subiu na bancada da cozinha com as pernas abertas puxou a calcinha de ladinho e me chamou vem me come gostoso, sem pensar em mais nada fui direto ao ponto enfiei meu pau na sua vagina que deslizou que foi uma delicia pois estava completamente molhada de gozinho comecei a bombar com força ela urra de tesão pedindo soca até as bolas nossa que mulher era esta, meu corpo tremia todo ela não aguentou e gozou, como eu ainda não tinha gozado ela se virou e falou agora quero que vc coma meu cuzinho e goze lá dentro nossa nunca tinha comido um cuzinho e ela foi me direcionando poe só a cabecinha bomba devagarinho  agora bomba rápido nossa que tesão louco eu estava ela pediu soca tudo e começou a rebolar com meu pau dentro do seu cú não tinha como aguentar e gozei e ela também gozou de novo, quando acabamos fomos tomar banho e ela me chupou fazendo com que gozase de novo de repente me bateu um remorso cara era a mulher do meu pai como pude fazer isto.Ela percebendo meu pensamento falou relaxe  e falei para seu pai que iria cuidaridar de vc e tem sido sempre assim corro para casa quando meu pai não está para comer minha madrasta gostoza.